Jack Dorsey é um dos fundadores do microblog e autor do 1º tuíte. Conta dele no microblog foi deletada após ser usada por hackers. Jack Dorsey, presidente-executivo do Twitter, teve sua conta no microblog e no Vine comprometidas nesta segunda-feira (11) pelos mesmos hackers que já atacaram Sundar Pichai, CEO do Google, Mark Zuckerberg, CEO do Facebook, de Dick Costolo, ex-CEO do Twitter. “Hey, aqui é o OurMine, nós estamos testando sua segurança”, tuitou a conta de Dorsey, durante a madrugada, conforme mostrou o site “Engadget”. As publicações foram feitas via Vine, o aplicativo de vídeos curtos do Twitter. Depois do incidente, a conta no Twitter do executivo que lidera a empresa foi tirada do ar e, até a publicação desse texto, ainda não havia sido restabelecida. Jack Dorsey é um dos fundadores do Twitter e o responsável pela primeira mensagem publicada na rede social. “Just setting up my twttr” ou “Apenas configurando meu twitter”, foi a mensagem que inaugurou o serviço em 21 de março de 2006 –o microblog, no entanto, só viria a ser lançado em julho daquele ano. Primeiro CEO da empresa, entre 2006 e 2007, Dorsey reassumiu o cargo em julho de 2015. As mensagens publicadas em sua conta têm o mesmo conteúdo das que foram ao ar nos ataques aos perfis de outros nomes de peso no mundo da tecnologia. Em junho, os alvo foram o CEO do Google, Sundar Pichai, o ex- presidente-executivo do Twitter e um dos fundadores e atual líder do Facebook, Mark Zuckerberg. Enquanto Costolo teve como alvo seu perfil no microblog, Zuckerberg teve comprometidas suas contas no Twitter e Pinterest. Os invasores também disseram ter tomado posse do perfil do executivo no Instagram. Já as postagens no perfil de Sundar foram feitas por meio de uma conta que ele possui no Quora. Fonte: G1

Tuesday, July 12, 2016







« Voltar