Como cliente do WHMCS, queremos garantir que você esteja atualizado sobre a última resolução entre o Google e a Symantec e como isso pode afetar os certificados SSL que você comprou. 

No ano passado, a Symantec e a Google concordaram em um plano que veria a Symantec migrar a validação para um terceiro e, como resultado, o Chrome continuaria a confiar na família de marcas da Symantec (Symantec, GeoTrust e RapidSSL). Logo após o acordo ter sido alcançado, a DigiCert anunciou seu plano para adquirir o negócio de segurança do site da Symantec no quarto trimestre de 2017. Concluiu-se que a DigiCert assumiria a validação de todas as marcas de certificados da Symantec em 1º de dezembro de 2017.

À luz desta notícia, o Google anunciou um plano atualizado sobre como o Google Chrome lidará com os certificados durante esta transição para a infra-estrutura de validação DigiCert. Muitos especularam que o Google não confia mais em nenhum certificado da Symantec até 2018, no entanto, esta informação não é precisa e está incompleta. Aqui estão os detalhes específicos da comunidade WHMCS que comprou ou vendeu qualquer uma das marcas Symantec de SSL diretamente de nós. 

A Symantec continuou a emitir certificados da plataforma original até 1 de dezembro de 2017. O Chrome continuará a confiar nesses certificados emitidos antes de 1º de dezembro de 2017 até 13 de setembro de 2018.

Em 1 de dezembro de 2017, a DigiCert realizou a transição para sua plataforma de validação para todas as marcas de certificados da Symantec e o Chrome confiará nesses certificados. Todas as marcas permanecerão intactas após a transição e a única diferença é que elas são emitidas agora a partir da plataforma DigiCert. 

E se eu tiver um certificado emitido na antiga plataforma Symantec? 

Para a maioria dos certificados, você não precisa fazer nada. No entanto, se você tiver um certificado existente emitido antes de 1º de dezembro de 2017 e expirar após 13 de setembro de 2018, você precisará agir. Aqui estão os detalhes e datas relevantes que você precisa estar ciente de:

  • Se o certificado foi emitido após 1 de dezembro de 2017, você não precisa tomar nenhuma açãoComo o certificado foi emitido sob a plataforma DigiCert, o navegador Chrome confiará neste certificado e não será necessária nenhuma nova edição.
  • Se o certificado expirar antes de 13 de setembro de 2018, você não precisa tomar nenhuma ação . O navegador Chrome continuará a confiar no certificado até que venha a expirar.
  • Se o certificado expirar após 13 de setembro de 2018 e emitido antes de 1º de dezembro de 2017, você precisará re-emitir o certificado antes de 13 de setembro de 2018. Para certificados de 1 ano, isso significa que isso afeta apenas os certificados 

Mais importante ainda, é seguro continuar a comprar e vender os certificados SSL da Symantec. Todos os certificados emitidos hoje são emitidos sob a plataforma DigiCert, que é totalmente confiável pelo Google. 
Recursos para aprender mais sobre a disputa do Google e da Symantec:


« Vissza